terça-feira, 22 de março de 2016

O ROTARY NO DIA MUNDIAL DA ÁGUA

O Rotary no Dia Mundial da Água

mar 22, 2016 (Publicado na Revista Rotary Brasil)
Rotarianos de Aracaju plantam mudas de árvores nativas nas margens do rio Pariporé.
Rotarianos de Aracaju plantam mudas de árvores nativas nas margens do rio Pariporé
O dia 22 de março, Dia Mundial da Água, é uma ótima oportunidade para reforçarmos a ênfase do Rotary em recursos hídricos e saneamento. O assunto é fundamental para o futuro da humanidade. A ONU alerta que 78% dos empregos hoje necessitam de recursos hídricos e a previsão da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura é a de que até 2050 a escassez de água afetará dois terços da população mundial. No Brasil, depois de uma recente crise hídrica, o alerta é de que problemas semelhantes serão cada vez mais frequentes nas próximas décadas. Bill Boyd, presidente 2006-07 do Rotary International, afirmou à revista na Convenção de São Paulo que a questão da água pode ser o foco principal do Rotary depois de encerrada a luta contra a pólio. Com esse enfoque, a Revista Rotary Brasil resolve homenagear o Dia Mundial da Água listando algumas iniciativas de Rotary Clubs brasileiros nessa frente de trabalho.
Rotary Club de São Paulo-Jardim das Bandeiras entrega filtros no município
Rotary Club de São Paulo-Jardim das Bandeiras entrega filtros no município
Na região Sudeste, o Rotary Club de São Paulo-Jardim das Bandeiras, SP (distrito 4610), distribuiu aproximadamente 10 mil filtros de água em comunidades do município por meio de um Subsídio Global da Fundação Rotária. Já o Rotary Club de Sorocaba-Vergueiro, SP (distrito 4620), entregou sete biodigestores para os associados da Cooperativa Mista do Bairro Caguaçu, completando a primeira fase do projeto de saneamento e preservação dos mananciais da região. Em Minas Gerais, por meio de um Subsídio Distrital, o Rotary Club de Coromandel (distrito 4770) entregou à Fazenda da Esperança dois reservatórios com capacidade para 15 mil litros de água. O Rotary Club de Carmo da Mata, MG (distrito 4560), está recuperando e revitalizando nascentes do município. Todo sábado, os associados se dedicam ao cerceamento de alguma nascente e plantam mudas de árvores no entorno. Já no Rio de Janeiro, graças a um Subsídio Global da Fundação Rotária, o Rotary Club de Teresópolis (distrito 4750) implantou o projeto Serra II, de recuperação de áreas degradadas ao longo de um rio, suas nascentes e um morro no distrito de Vieiras, no município.
Rotary Club de Santa Cruz Cabrália em trabalho de limpeza dos rios da região
Rotary Club de Santa Cruz Cabrália em trabalho de limpeza de rios
Das iniciativas de clubes da região Nordeste, publicamos recentemente que o Rotary Club de Santa Cruz Cabrália, BA (distrito 4550), desenvolve um trabalho constante de limpeza dos rios da região. Os associados ao Rotary Club de Aracaju-Nova Geração, SE (distrito 4390), tocam o projeto Preservando Nascentes plantando mudas de árvores nativas nas margens do rio Pariporé.
Rotarianos de Chapecó plantando mudas de árvores em nascente da região
Rotarianos de Chapecó plantando mudas de árvores em nascente da região
Já na região Sul do país, o Rotary Club de Chapecó, SC (distrito 4740), plantou mais de 100 mudas de árvores nativas às margens de uma nascente e de um córrego que abastecem a cidade. No Paraná, o Rotaract Club de Tapejara (distrito 4630) executou projeto de recuperação de um olho d’água em uma propriedade localizada no município de Tuneiras do Oeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário